Home Jornal da Capital Cultura Farol Santander Porto Alegre homenageia Vinicius de Moraes com exposição inédita no...

Farol Santander Porto Alegre homenageia Vinicius de Moraes com exposição inédita no RS

373
0

O Farol Santander Porto Alegre volta a apresentar uma nova exposição temática em referência às mais notáveis personalidades artísticas do Brasil. A partir de 20 de março (quarta-feira), os gaúchos e turistas conhecerão Vinicius de Moraes – por toda a minha vida, uma mostra inédita no RS que aborda a vida e a obra daquele que foi poeta, músico, letrista, diplomata, homem de teatro e imprensa, entre outras atividades. A exposição conta com 350 itens, incluindo materiais inéditos e originais, em exposição na Galeria do icônico edifício. Com curadoria de Eucanaã Ferraz e Helena Severo, a mostra fica em cartaz até 19 de maio de 2024 (domingo).

É com muita alegria que o Farol Santander Porto Alegre abriga a exposição Vinicius de Moraes – por toda a minha vida. A mostra traz aspectos que vão além da biografia do diplomata, poeta, dramaturgo, jornalista, compositor e cantor brasileiro e nosso apoio a essa iniciativa reforça a importância que a cultura tem para o Santander e, principalmente, nosso compromisso com a sociedade pela valorização do que o Brasil tem de melhor“; ressalta Maitê Leite, vice-presidente executiva Institucional do Santander Brasil.

Vinicius de Moraes cristalizou em suas criações e em sua figura pública uma série de mudanças comportamentais que marcaram a história cotidiana do século XX. Viveu essas transformações libertárias, deu voz a muitas delas e foi um dos principais atores no processo de modernização da cultura e da mentalidade brasileiras. Vinicius de Moraes, Por toda a minha vida, tenta abarcar as linhas que definem a vida e a obra de Vinicius“; comentam os curadores Eucanaã Ferraz e Helena Severo.

Ocupando a Galeria do Farol Santander Porto Alegre, a exposição será composta pelos núcleos Música, Poesia, Artes e Cidades, além de um espaço inteiramente dedicado à obra infantil A Arca de Noé. Com um marcante caráter museográfico – documentos originais, manuscritos, livros, poemas, vídeos e fonogramas – todos os núcleos terão uma forte presença de obras de arte. 

Vinicius de Moraes teve entre seus grandes amigos artistas importantes, como Di Cavalcanti, Portinari, Santa Rosa, Carlos Scliar, Carlos Leão, Djanira da Motta e Silva, Oscar Niemeyer, Elifas Andreato, Augusto Rodrigues, entre outros. Vinicius escreveu poemas, crônicas, notas biográficas e críticas sobre eles, além de alguns destes nomes terem colaborado diretamente com sua obra em diferentes momentos da vida. Pinturas correspondentes a alguns dos artistas citados, como Carlos Scliar, Carybé e Di Cavalcanti, são parte da Coleção Santander Brasil. 

Entre as mais conhecidas e notáveis facetas de Vinicius estão a música e a poesia. O compositor de “Garota de Ipanema” redimensionou, a um só tempo, as figuras do intelectual e do cancionista. No primeiro caso, tornou-se um de nossos poetas mais importantes; no segundo, revolucionou a música popular, ao lado de Tom Jobim e João Gilberto, quando deram forma às inovações da Bossa Nova. Sendo assim, a exposição terá uma série de fonogramas com poemas de sua autoria, narrados por ele mesmo, como “Soneto da Separação”; “Poética I” e “Pátria Minha”.

Nus 1966 – Emiliano Di Cavalcanti Coleção Santander – Foto: Motivo Processamento Imagem e Comunicação

Em relação às músicas, uma série de vídeos do programa MPB Especial Vinicius de Moraes e Toquinho, da TV Cultura, gravado em 1973, serão exibidos. Entre os sucessos estão: “Chega de Saudade”; “Eu Sei que Vou te Amar”; “A Felicidade” e “Garota de Ipanema”.

A ala da exposição batizada de Cidades traz documentos relativos aos diversos locais em que Vinicius esteve como poeta, cantor e destaca ainda sua atuação como diplomata. Entre os itens, estão correspondências que ele trocava principalmente com Tom Jobim. 

A mostra ressalta ainda a obra musical e literária A Arca de Noé, lançada por Vinicius em 1980, com ilustrações de Elifas Andreato, voltada ao público infantil. Nesse ambiente fotografável, terá uma reprodução da arca com animais e ambientação com as músicas e desenhos.

Vinicius de Moraes – por toda a minha vida – Curiosidades
A exposição Vinicius de Moraes – Por toda a minha vida, conta com diversos itens, alguns originais e pessoais, que serão exibidos pela primeira vez no Rio Grande do Sul. Confira abaixo alguns destes destaques:

● Manuscritos com versões preliminares de diversas canções que se tornaram célebres e ícones da cultura brasileira, como “Chega de saudade” (marco inicial da bossa nova) e “Garota de Ipanema”. Além disso, a variedade de versões das canções e dos poemas revelam uma face menos conhecida de Vinicius: a do criador que se dedicou à dimensão formal, à procura da palavra exata, do verso primoroso. 

● A exposição contará com estudos originais para confecção dos cartazes de divulgação da peça Orfeu da Conceição, feitos por Carlos Scliar, Luiz Ventura e Djanira da Motta e Silva. Também haverá um conjunto de fotografias feitas por José Medeiros, realizadas durante os ensaios. Além disso, haverá ainda as peças de arte para divulgação do filme Orfeu do Carnaval.

● Serão exibidos alguns fac-símiles de desenhos do figurino da peça Orfeu da Conceição, atribuídos a Carlos Scliar. 

O livro Poesie, publicado na Itália com traduções dos poemas de Vinicius feitas pelo poeta Giuseppe Ungaretti. Trata-se de um livro raríssimo, com tiragem numerada de apenas 20 exemplares. 

● Haverá, ainda, o projeto da capa da Revista Filme, organizada por Vinicius de Moraes e Alex Viany, na década de 1940. 

● Na Linha do Tempo, serão exibidos documentos pessoais do poeta, além de obras produzidas na sua infância e adolescência, como o pequeno jornal “O Mexerico”, feito por ele (aos 8 anos de idade) e por sua irmã, Letícia de Moraes. Há, ainda, o manuscrito do conto “O Corvo”, que Vinicius escreveu na adolescência e enviou à revista O Cruzeiro, com a seguinte observação: “Vinicius de Moraes oferece um pequeno conto, esperando vê-lo publicado e não se desesperando se não o for”.

● Na seção Poesia, foram reunidas as primeiras edições dos livros de Vinicius, incluindo a de Orfeu da Conceição, com ilustrações de Carlos Scliar.

Serviço: Exposição Vinicius de Moraes – por toda a minha vida
Farol Santander Porto Alegre 
R. Sete de Setembro, 1028 – Centro Histórico, Porto Alegre
Terças à sábados, das 10h às 19h.
Domingos e feriados, das 11h às 18h
(Último acesso para visitação 1h antes de fechar o espaço) Ingressos: R$ 17,00 (inteira) e R$ 8,50 (meia)
Cliente Santander: 10% de desconto comprando com o cartão Santander (em até 8 ingressos).
Cliente Santander Select: 10% de desconto comprando com o cartão  Santander Select (em até 8 ingressos), e prioridade na fila de entrada  para o Farol.
GRATUIDADE: Crianças até 2 anos e 11 meses.
Link para compra: https://www.farolsantander.com.br/#/poa/agenda

Fonte: Andressa Riquelme – Assessoria de Comunicação 


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here